«

»

fev
23

OS PRÍNCIPES DO DESTINO – PARTE VI

QUINTA REUNIÃO

A mãe do rio exige o pagamento da promessa

Um rei guerreiro avançava rumo à guerra, quando viu seu caminho impedido por um rio de águas revoltas. O rei se dirigiu às águas  com humildade e respeito, e pediu q a agitação da corrente se acalmasse para que pudesse atravessar o rio com seus exércitos  Prometeu trazer preciosa oferenda para Oxum, a mãe do rio, o espirito que habitava aquelas águas revoltas. Oxum e aceitou a oferta do guerreiro e serenou suas águas turbulentas. O rei atravessou o rio a vau com seus homens, enfrentou seus inimigos e venceu a guerra. O rei mandou entregar então preciosos presentes para Oxum: Arcas repletas de objetos de ouro e cobre, inigualáveis vestes de tecidos dourados do Oriente, colares de diamantes, perolas e búzios da costa, comidas e bebidas saborosíssimas. Mas Oxum não ficou satisfeita com as dádivas do rei.  Ela queria Preciosa, a princesa. Era assim que se chamava a filha do rei: Preciosa. Foi este presente que Oxum entendeu que o soberano lhe daria. Ele dissera exatamente: preciosa recompensa. Pois então  Oxum queria Preciosa, a princesa. Quando o rei teve que atravessar de volta o rio, mais enfurecidas estavam as corredeiras de Oxum. E o rei não teve outra saída  Para poder voltar ao seu país e ao seu povo, que dele tanto precisava e dependia, ele teve que entregar Preciosa à mãe do rio. Se não, não passaria. Oxum criou a menina e fez dela a mais bela cachoeira que se pode encontrar em todo o reino das águas doces de Oxum.

Foi uma das mais belas historias de Oxé contadas na quinta reunião dos odus na casa de Ifá.

_______________________________________________________________________________________________________

A continuar…..

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

seo services